BR-174 passa por obras de recuperação

Ao todo, são 255 quilômetros restaurados; obras envolvem reciclagem do asfalto, serviços de drenagem, construção de meio fio e instalação de sinalização

Setor de motocicletas amarga pior resultado desde 2002
Carretas Noma especializadas na Região Norte
TAM Cargo inaugura terminal de cargas em Manaus (AM)

O primeiro lote de 107 quilômetros das obras de recuperação da BR-174, que vai de Manaus até Presidente Figueiredo, começou a receber a segunda camada de asfalto, e também serviços de drenagem e construção de meio fio. Além disso, placas, pintura de faixas e taxas refletivas também fazem parte da manutenção.

Já no segundo trecho de 148 quilômetros, localizado entre o município de Presidente Figueiredo até o rio Alalaú, na divisa com Roraima, foi iniciada a reciclagem de todo o asfalto. O material, após removido completamente, é triturado e misturado com pedra brita e cimento em uma máquina recicladora. Depois de realizado o processo, o material é compactado para estruturação de uma nova base para a estrada. Em seguida, são aplicadas as camadas de asfalto e a sinalização é instalada.

A recuperação abrange 255 quilômetros da rodovia e deve ser concluída até o fim de 2011. A estrada liga o Estado do Amazonas ao Estado de Roraima e à fronteira com a Venezuela.

Com esses serviços já foram gerados mais de 700 empregos diretos e indiretos nas redondezas.

COMMENTS