KLM volta a operar voos entre Amsterdã e Rio de Janeiro ainda este ano

Frequência foi interrompida há 12 anos; companhia operará voos diretos, três vezes por semana

Avianca Cargo adquire aeronave Airbus A-330-200
Rolls-Royce desenvolve Centro de Pesquisas sobre Altas Temperaturas
Japonesa All Nippon Airways amplia malha viária na Ásia

A companhia aérea holandesa KLM voltará a operar entre Amsterdã e Rio de Janeiro a partir de novembro deste ano. A frequência foi interrompida há 12 anos atrás, e agora com o retorno, operação passa a ser o 70º destino intercontinental da empresa.

Já a partir do início da temporada de inverno europeu, a companhia operará voos diretos, três vezes por semana, do aeroporto Schiphol, na capital da Holanda, para o aeroporto internacional Antônio Carlos Jobim – Galeão, no Rio de Janeiro.

O voo KL705 partirá nas terças, quintas e sábados às 10h40, chegando ao Brasil, no mesmo dia, às 19h30. O voo de retorno (KL706) partirá nas terças, quintas e sábados às 21h40, chegando em Amsterdã no dia seguinte, às 11h55.

Os voos serão operados por aeronaves Boeing 777-200ER com capacidade para 318 passageiros: 35 na Classe Executiva e 283 na Classe Econômica.

“A America Latina é um mercado emergente. Ao incluir o Rio de Janeiro como o 9º destino da companhia na América Latina temos a intenção de fortalecer ainda mais a nossa presença nessa região, que está em plena expansão. E, pelo fato do Brasil apresentar um crescimento econômico bastante acentuado, vemos a inclusão do Rio na malha aérea da KLM como uma vantagem para nossos passageiros que viajam a negócios. O investimento estrangeiro na região está aumentando significativamente, impulsionado pelo desenvolvimento da indústria do petróleo e do gás”, diz o CEO da KLM, Peter Hartman.

COMMENTS