Portos e terminais de uso privativo registram número recorde em movimentação em 2010

Foram movimentadas 833 milhões de toneladas, número 8,53% maior que o recorde anterior, registrado em 2008

Movimentação portuária brasileira cai 0,5% no 1º trimestre de 2013
Portos brasileiros movimentaram 251,1 milhões de toneladas no 3º trimestre de 2014
ANTAQ recebe contribuições para norma sobre transporte de produtos perigosos

De acordo com a ANTAQ (Agência Nacional de transportes Aquaviários), os TUP (portos e terminais de uso privativo) movimentaram 833 milhões de toneladas no ano passado, o que corresponde ao maior número já registrado. O acúmulo é 8,53% maior que o de 2008 (recorde anterior), quando foram movimentados 768 milhões de toneladas.

“No balanço do segundo trimestre, a Agência estimava uma movimentação de 760 milhões de toneladas para 2010. Contudo, o excelente desempenho das commodities, em especial do minério de ferro, derrubou as previsões mais otimistas”, declara o diretor-geral da ANTAQ, Fernando Fialho.

Cerca de 38% do total de cargas transacionadas pelas instalações portuárias brasileiras corresponde ao minério de ferro, o que significa uma movimentação de 311 milhões de toneladas e um crescimento de 16,1% em relação a 2009.

Para 2011, a expectativa é de que haja um novo aumento da tonelagem de cargas movimentadas nos portos e terminais brasileiros, o que, de acordo com Fialho, dependerá da solidez da recuperação econômica mundial apresentada em 2010.

“Dado que alguns parceiros comerciais ainda encontram-se com movimentações menores do que em 2008, com a configuração de um ambiente econômico melhor e a recuperação dessas economias, o ano de 2011 deverá ser marcado por novos recordes na movimentação de carga. A demanda interna também deverá contribuir para a elevação do volume de cargas movimentadas pelas instalações portuárias brasileiras, o que se deve ao bom momento que a economia brasileira vem apresentando”, aponta o diretor-geral da ANTAQ.

COMMENTS