Guerra obtém R$ 467,8 milhões de receita líquida em 2010

Guerra obtém R$ 467,8 milhões de receita líquida em 2010

Bons resultados fizeram com que a fabricante de implementos rodoviários crescesse 56,1 % em relação a 2009

Volvo faz lançamento de peso no segmento off-road com o novo VM de 32t e mira novos mercados
Mercado de grãos aquecido leva MAN à venda recorde de extrapesados
Nova Geração Scania mostra a que veio

A fabricante de implementos rodoviários Guerra obteve no ano passado receita líquida total de R$ 467,8 milhões, o que corresponde a um crescimento de 56,1 % em relação a 2009, quando foram somados R$ 299,5 milhões.

No ano passado, a Guerra produziu 9.450 unidades, número 43,1% superior ao volume de 2009, quando foram comercializadas 6.602 unidades.

Em níveis de participação de mercado, a marca atingiu no ano passado 15 pontos percentuais, mantendo-se no índice alcançado ao longo dos últimos cinco anos, com pico de 18% nos meses de abril e maio.

Investimentos e previsões

Acompanhando o bom momento, a empresa está investindo no biênio 2010/2011, cerca de R$ 42 milhões no Plano Diretor Guerra, um programa que prevê novas aquisições de equipamentos, investimentos em inovação tecnológica para criação de novos produtos e processos de fabricação, além de melhorias na segurança do trabalho e meio-ambiente.

Para 2011 está previsto um crescimento de 6% na produção no acumulado sobre 2010, composto pelas empresas Guerra SA Implementos Rodoviários, Guerra Argentina e Indústria de Freios Garra.

COMMENTS