Consórcio Iveco cresce 10% em 2010

Administradora teve 1.300 cotas vendidas ano passado e prevê novo crescimento de 10% para 2011

Pedágios da Litoral Sul (PR-SC) vão aumentar em fevereiro
Santos Brasil teve movimentação de cargas 30,2% maior em 2010
Produção total de petróleo e gás da Petrobras foi de 2,6 milhões de barris em janeiro

O Consórcio Iveco anunciou um crescimento de 10% nas vendas de cotas de 2010, em comparação ao comercializado em 2009. Foram 1.300 cotas vendidas no ano passado, e, em novembro, quando a administradora completou 12 anos, registrou-se uma das melhores performances mensais de sua história, com 200 cotas vendidas. A empresa tem previsão de crescimento de 10% também para este ano.

O gerente de operações do Consórcio Iveco, Adriano Bruni, afirma que o crescimento da administradora acompanha o crescimento da própria Iveco no mercado de veículos comerciais. A montadora emplacou 15.404 unidades em 2010, quase cinco vezes mais do que o registrado em 2006, antes que a empresa iniciasse, em janeiro de 2007, seu programa de crescimento acelerado no País.

De acordo com dados da Abac (Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios), a modalidade de consórcio registrou um crescimento de 59% de janeiro a novembro de 2010, no volume de negócios em todos os segmentos (veículos automotores, imóveis, eletroeletrônicos e serviços).

No mesmo período, o segmento de veículos pesados, englobado pela entidade em caminhões, ônibus, semi-reboques, tratores e implementos, cresceu 11,2% em comparação a 2009, o que gerou um volume de 42,8mil novos clientes. Atualmente, participam 167 mil consorciados nesse segmento.

“Sem dúvida, o setor de Transportes vem se profissionalizando cada vez mais nos últimos anos no Brasil. O cliente que se programa melhor foge dos juros e encontra maior sustentação e custos menores para ampliar ou renovar a sua frota. Isso explica o crescimento constante desta modalidade”, explica Bruni.

COMMENTS