Etanol sobe 4,9% em outubro

De acordo com a pesquisa da Ticket Car, o litro custa, em média, R$ 1,97. Já a gasolina subiu 1,8%: preço médio de R$ 2,75 por litro

Distribuidora norueguesa de combustíveis marítimos aporta no Brasil
Diesel troca de cor em julho para evitar fraudes
Logística ruim pode deixar algumas regiões sem gasolina no final do ano

O preço do etanol vem encarecendo a cada mês nos postos do País. Em outubro, o combustível sofreu uma elevação de 4,9%, média de R$ 1,97 por litro. De acordo com a última pesquisa da Ticket Car, apenas em nove localidades ainda compensa abastecer com etanol.

Já a gasolina subiu 1,8%, ficando com um preço médio de R$ 2,75 por litro. Para que tem veículo flex, é mais vantajoso abastecer com o derivado do petróleo no Distrito Federal e mais 16 Estados. “É preciso tomar cuidado, pois, apesar de mais barato, a autonomia do veículo com o etanol é em média, 30% menor”, explica Eduardo Lopes, coordenador de Produto do Ticket Car.

O gás natural aumentou 3%: em média, R$ 1,77 o metro cúbico. Com as alterações, as médias por litro são: gasolina R$ 2,75; etanol R$ 1,97; diesel R$ 2,08; biodiesel R$ 2,52 e gás R$ 1,77 o m³.

Para calcular qual combustível é mais vantajoso, basta dividir o preço do etanol pelo da gasolina. “Resultados inferiores ou iguais a 70%, opte pelo combustível vegetal, caso contrário, o derivado do petróleo é a melhor opção”, completa. “Contudo, é sempre bom lembrar que, mesmo nos casos de vantagem da gasolina, o etanol é ambientalmente mais indicado”, ressalta Lopes.

Confira abaixo a tabela dos Estados:

COMMENTS