22ª Gincana do Caminhoneiro chega à etapa final

Sexta etapa será realizada de 18 a 20 de novembro, no Posto Texano, no km 123 da BR-277, em Campo Largo (PR)

Produtores de soja esperam “apagão logístico” por falta de caminhões
Empresas querem caminhões a gás em suas operações
Ford Caminhões encerra semestre com 43,5% de crescimento em vendas

A 22ª Gincana do Caminhoneiro chega à sua sexta e última etapa. Marcado para o período de 18 a 20 de novembro, o evento deve reunir mais de 600 competidores no Posto Texano, no km 123 da BR-277, em Campo Largo (PR). Serão classificados os três últimos caminhoneiros para a grande final do evento, que acontecerá dia 21 de novembro, no mesmo local. O primeiro colocado levará um caminhão Volkswagen Constellation 24.250, o segundo ganha um automóvel Gol 1.0 e o terceiro, um notebook.

Na competição o motorista deve passar por provas onde terá que ziguezar entre cones no comando de um caminhão, com a meta de percorrer o percurso pré-estabelecido no menor tempo e com menos faltas para atingir o tempo pré-classificatório estabelecido pela organização.

Ao atingir a meta, o caminhoneiro pré-classificado vai para uma segunda fase, onde fará o percurso novamente, com um traçado mais difícil. A performance dos competidores é avaliada por uma dupla de cronometristas homologados pela Confederação Brasileira de Automobilismo que, com auxílio de foto-célula, indica os melhores tempos da etapa.

Durante os três dias do evento, serão realizadas palestras sobre produtividade e lucratividade ministradas pelo engenheiro João Roberto Valdivia. Sob o patrocínio da MAN Latin America, por meio da marca VW Caminhões e Ônibus, as palestras apresentam os principais elementos que podem ajudar a reduzir custos operacionais do dia-a-dia do transportador.

Para participar, o caminhoneiro deve apresentar CNH categorias C, D ou E, e inscrever-se gratuitamente.

COMMENTS