Ipem certifica sistema de armazenagem de grãos da Ceagesp na cidade de São Paulo

Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo entrega selo do Inmetro para unidade Jaguaré da Ceagesp. Objetivo da certificação é reduzir desperdício de grãos no transporte e armazenagem

Escoamento da safra preocupa
Búfalo investe R$ 12 mi em centro de distribuição automatizado
TA tem novo sistema automatizado para conferência de cargas

O Ipem-SP (Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo) entregou nesta sexta-feira (15), o certificado do sistema de armazenagem de grãos para a unidade Jaguaré do Ceagesp (Companhia de Entrepostos de Armazéns Gerais de São Paulo) localizada na cidade de São Paulo. A marca de conformidade é creditada pelo Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade).

A certificação é obrigatória desde maio de 2009. A decisão foi do Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento), com o objetivo de reduzir a perda de grãos durante processos de logística e armazenamento inadequado. Produtos como trigo, soja, milho e arroz chegam a ter um índice de perda de 10% – o equivalente a 14 milhões de toneladas na safra estimada para 2010.

Na inspeção, realizada pelo Departamento de Avaliação e Certificação do Ipem-SP, toda a operação de armazenagem é checada, desde a chegada do produto, passando pelo recebimento, análise de impurezas ou umidade no produto, limpeza, secagem, tratamento com agrotóxicos; até a entrada nos silos, em que são monitorados fatores como umidade e temperatura adequadas. Também são analisados documentos fiscais, controle de estoque, e o treinamento e capacitação dos colaboradores envolvidos.

A unidade armazenadora Jaguaré é a primeira das 18 filiais da Ceagesp a receber o certificado. O centro tem capacidade para armazenar 20 mil toneladas de grãos, sendo o principal deles o trigo. A previsão é de que toda a rede seja certificada nos próximos quatro anos.

De acordo com dados da Companhia Nacional de Abastecimento, funcionam no Brasil cerca de 17.500 unidades armazenadoras de grãos e a expectativa do Mapa é que 25% ao ano passem pela auditoria. No Estado de São Paulo são 1.400 unidades, com capacidade total de aproximadamente 12,6 bilhões de toneladas de grãos.

O Ipem-SP é o único órgão público capacitado pela Inmetro para realizar as auditorias, e a certificação tem validade de cinco anos.

COMMENTS