Ford Caminhões encerra semestre com 43,5% de crescimento em vendas

Foram 12.619 veículos vendidos, sendo 3.171 somente em junho, recorde de vendas para um único mês. Bom desempenho coloca montadora com 18% de participação no mercado e marca retomada da particiação da Ford Caminhões

ANFIR projeta recuperação do mercado de implementos para 2020
Empresas deverão emitir Conhecimento Eletrônico de Transporte em agosto
Volvo faz lançamento de peso no segmento off-road com o novo VM de 32t e mira novos mercados

Totalizando 12.619 veículos negociados, a Ford Caminhões terminou o primeiro semestre deste ano em alta, com 43,5% a mais sobre o mesmo período de 2009. Com isso, a participação da montadora no mercado nacional de caminhões corresponde a 18%. O bom desempenho teve como destaque o mês de junho, quando a montadora registrou recorde de vendas com 3.171 unidades comercializadas.

“Tivemos um excelente semestre e um mês de junho muito forte. Nos emplacamentos, a marca somou 2.411 unidades e teve uma participação de 18,7%. Excluindo o segmento de extrapesados, no qual a Ford Caminhões não atua, a participação cresce para 24,4%. O fechamento de grandes vendas, principalmente para o segmento da construção civil, contribuiu para isso”, diz Charles Camargo, gerente nacional de Vendas da Ford Caminhões. Em junho, como um todo, o mercado de caminhões negociou 12.800 unidades.

Números

Na categoria de caminhões semileves (3,5 a 7 toneladas), a Ford cresceu 38% em volume no primeiro semestre. Foram 1.397 unidades do F-350 vendidas, aumentando sua participação para 55,7%.

No segundo maior segmento do mercado, o de caminhões leves (7 a 10 toneladas), a montadora atingiu aumento de 45%, com 4.516 veículos e participação de 28,4%. Um dos destaques de vendas ficou para o Cargo 815e, com peso bruto de 8,5 toneladas: 56,6% de crescimento em comparação com 2009.

Nos médios 4×2 de 13 toneladas, a marca obteve um avanço de 38%, com 1.049 unidades do Cargo 1317e, aumentando sua participação para 23,4%. Nos 4×2 de 15 toneladas a Ford elevou as vendas em 40,5%, com 395 unidades do Cargo 1517e comercializadas, aumentando a participação para 20,1%. Já nos 4×2 de 17 toneladas as vendas atingiram acréscimo de 55,4% com 813 unidades, e a Ford Caminhões ficou com 22,3% do segmento.

Nos médios 6×2, as vendas da Ford foram 54% maiores, com 2.596 unidades e uma participação de 17,2%. Por fim, nos 6×4, as vendas cresceram 37%, com 1.573 unidades e 28,9% de participação.

Ford fecha maior venda para um único cliente

A Ford fechou com a Delta Construção uma venda de 322 caminhões, sendo 248 diretamente para a construtora e 74 para suas associadas Ipê e Oriente. Esta é a maior venda de caminhões Cargo já feita para um único cliente. O fornecimento inclui caminhões dos modelos Cargo 1317e, Cargo 1717e, Cargo 2422e, Cargo 2628e 6×4 e Cargo 453. “Testamos o traçado Cargo 2628 e o pessoal gostou. Compramos inicialmente 20 unidades e depois mais 40. Os outros modelos nós já conhecíamos e todos mostraram bom desempenho”, diz Manoel Prestrello Neto, responsável pela área de manutenção de equipamentos da Delta.

Por: Victor José – Redação Portal Transporta Brasil

COMMENTS