DHL escolhe software para realizar processo de CT-e

Empresa já aderiu ao Conhecimento de Transporte Eletrônico de Cargas (CT-e) e escolheu fornecedor de acordo com a confiabilidade do servidor oferecido para atender às normas do sistema

Transportadora Americana já emitiu mais de um milhão de Conhecimentos Eletrônicos
CT-e será obrigatório a partir de 1º de dezembro
Empresas deverão emitir Conhecimento Eletrônico de Transporte em agosto

A operadora logística DHL aderiu, em seu ambiente de produção, ao processo de Conhecimento de Transporte Eletrônico de Cargas (CT-e), sistema que faz parte das exigências do Sped Fiscal. O CT-e incorpora todos os documentos fiscais relacionados ao procedimento completo das cargas, desde a retirada até a entrega, e não tem prazo para ser completamente implementado nas empresas.

O sistema escolhido pela companhia foi o da fornecedora NeoGrid, que venceu a concorrência de outras cinco empresas. A NeoGrid atende às exigências do governo na precisão de informações, pois mantém dois servidores, caso um fique indisponível.  “Ele deve operar necessariamente durante 24 horas, sete dias da semana”, afirma Macos Iwai, gerente administrativo-financeiro da DHL, explicando o motivo da escolha.

Por Nayra Brighi – Redação Portal Transporta Brasil

COMMENTS