ALL testa equipamento para triplicar volume de cimento transportado

A empresa afirmou que a ideia é a de transportar até 15 mil toneladas de cimento, contra os atuais 5 mil

Terminal ferroviário de Rondonópolis transporta 6,5 toneladas em oito meses
ALL prorroga inscrições para programa de trainee
Brado logística inaugura terminal intermodal no interior paulista

A empresa América Latina Logística (ALL) está em fase de testes com novos equipamentos para o manuseio dos chamados Isotanks, que são contêineres para o transporte de cimento a granel. A expectativa é de triplicar o volume transportado atualmente. A empresa afirmou que a ideia é a de transportar até 15 mil toneladas de cimento, contra os atuais 5 mil, ou seja, um ganho maior de escala e agilidade, o que deverá favorecer contratos e clientes.

De acordo com Alonso Fernandes Bee, gerente da Unidade de Produtos Industrializados da ALL, o novo equipamento dá uma grande flexibilidade no transporte desse tipo de produto. “Não requer estrutura de transbordo [silos] próximos à ferrovia. Nossa expectativa é triplicar o volume atual com a utilização desses equipamentos”, confirmou Bee, ao DCI..

Bee também comentou que as empresas Camargo Correia, Itambé e Votorantim têm grande interesse nesse novo sistema de transporte de cimento.

Esta semana, a ALL viu também um novo nicho a ser explorado. A empresa fechou contrato de cinco anos para o transporte de areia para construção.com a Minermix Mineração, do grupo Sobase/Concrebase, que atua no segmento de materiais para construção. Serão transportadas aproximadamente 25 mil toneladas mensais de areia.

O valor do contrato não foi informado pela ALL, entretanto a parceria conta com investimentos de R$ 2 milhões para a reforma de vagões e melhorias em via permanente e locomotivas. Segundo a empresa, o mercado paulista de areia deve continuar crescendo em 2010, impulsionado pelos programas do governo para a construção civil e incentivado pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). “Nesse ano temos o objetivo de abrir novos clientes e viabilizar novas rotas. Pretendemos transportar 100 mil toneladas de areia por mês até o fim do ano”, comentou Bee.

A ALL pretende fechar mais dois contratos ainda neste trimestre com as empresas Pedrasil e AB Areias, com volumes de 25 mil toneladas de areia cada uma. “Iremos fechar os contratos ainda este trimestre, faltam apenas alguns detalhes. Com estes contratos planejamos atingir o mesmo volume de 2007, sendo 75 mil toneladas pelos três contratos e o restante pela movimentação de carga spot ou novos clientes”, informou o executivo.

Link para a matéria original

COMMENTS