Projeto libera motorista de pagar pedágio na cidade onde mora

A proposta altera a Lei 8.987/95, estabelecendo prazo de 180 dias para que os estados e a União revejam os atuais contratos de concessão de rodovias públicas

Fiscais coibem cargas irregulares no Litoral Norte
Projeto que recupera rodovias no Sul é o primeiro beneficiado com redução de taxas do BNDES
Cobrança de pedágio na 116 começa à 0h de amanhã

Tramita na Câmara o Projeto de Lei 5992/09, do deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP), que proíbe a cobrança de pedágio de moradores da cidade onde o equipamento estiver instalado. A proposta altera a Lei 8.987/95, estabelecendo prazo de 180 dias para que os estados e a União revejam os atuais contratos de concessão de rodovias públicas.

O projeto estabelece que os atuais contratos poderão ser estendidos para compensar as eventuais perdas com a mudança, já que a proposta veda o aumento de tarifa como forma de compensação.

O deputado ressalta que não é justo que as pessoas tenham de pagar para poder circular dentro de seu próprio município.

Tramitação

A proposta, que tramita em caráter conclusivo, será analisada pelas comissões de Viação e Transportes; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Íntegra da proposta:
* PL-5992/2009

Link para a matéria original

COMMENTS