Projeto libera motorista de pagar pedágio na cidade onde mora

A proposta altera a Lei 8.987/95, estabelecendo prazo de 180 dias para que os estados e a União revejam os atuais contratos de concessão de rodovias públicas

Michelin ampliará capacidade no Brasil
Redução do IPVA fará empresas aumentarem frota no Estado do MS
Ramos investe em novas unidades no Norte

Tramita na Câmara o Projeto de Lei 5992/09, do deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP), que proíbe a cobrança de pedágio de moradores da cidade onde o equipamento estiver instalado. A proposta altera a Lei 8.987/95, estabelecendo prazo de 180 dias para que os estados e a União revejam os atuais contratos de concessão de rodovias públicas.

O projeto estabelece que os atuais contratos poderão ser estendidos para compensar as eventuais perdas com a mudança, já que a proposta veda o aumento de tarifa como forma de compensação.

O deputado ressalta que não é justo que as pessoas tenham de pagar para poder circular dentro de seu próprio município.

Tramitação

A proposta, que tramita em caráter conclusivo, será analisada pelas comissões de Viação e Transportes; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Íntegra da proposta:
* PL-5992/2009

Link para a matéria original

COMMENTS