Volvo aposta na retomada e planeja 2º turno na produção a partir de janeiro

De olho no reaquecimento da demanda, montadora prepara contratação de 250 novos operários em sua fábrica no Paraná e aumentará gradativamente a produção de caminhões de 55 para 70 unidades por dia. Novo turno de produção será implementado para a linha F

Obras do trecho leste do Rodoanel têm início em SP
Scania R 450 é 10% mais econômico em relação ao R 440
Volvo inaugura concessionárias em Rondonópolis (MT) e Porto Velho (RO)

volvo-2-turno

A Volvo do Brasil anunciou na semana passada que, a partir de janeiro de 2010, implementará em sua fábrica paranaense o segundo turno de produção, de olho na retomada da demanda e no reaquecimento da economia, depois do longo período de crise que assolou as vendas de todos os caminhões no País.

De acordo com a montadora, o segundo turno será criado para atender à produção da Linha F, aumentando a capacidade de 55 para 70 caminhões por dia, gradativamente. O novo horário de produção será das 17h às 1h30 e, para atender a esta demanda, a montadora contratará 250 novos funcionários, que serão treinados pela fábrica.

“Esta é a terceira vez que a Volvo institui um segundo turno na linha de produção de caminhões, desde que a empresa começou a fabricar veículos no Brasil, em 1980”, lembra Carlos Morassutti, diretor de RH e assuntos institucionais da Volvo do Brasil.

“Estamos nos adequando ao mercado, que melhorou por conta da recuperação da economia brasileira, e também em virtude dos juros mais baixos, mais próximos das necessidades do transportador”, afirma Bernardo Fedalto Jr., gerente de caminhões da linha “F”.

A fábrica de cabines, instalada dentro do complexo industrial da Volvo, situado na Cidade Industrial de Curitiba, já opera em dois turnos. A planta de Curitiba está totalmente integrada ao sistema global de produção da Volvo. Além do mercado brasileiro, a Volvo é responsável pela comercialização de caminhões para toda a América do Sul e, eventualmente, para outros mercados internacionais.

Em Curitiba, sua sede sul-americana, a Volvo produz caminhões, chassis de ônibus, motores e cabines. Em Pederneiras, interior de São Paulo, fabrica equipamentos de construção. Além disso, comercializa motores marítimos e industriais da marca Penta, produzidos na Suécia.

Por: Leonardo Helou Doca de Andrade – Redação Portal Transporta Brasil

Leia mais notícias sobre a Volvo:

Volvo e Sadia desenvolvem carreta especial para transporte de produtos frigorificados

Ônibus de Curitiba irão rodar com biocombustível

Volvo estreia em Curitiba com ônibus 100% a biocombustível

Banco próprio faz Volvo ampliar suas vendas no mercado nacional

Volvo cresce 20% acima do que previa

COMMENTS