Reduzidas tarifas de importação de 306 produtos

A decisão foi tomada ontem pelo Comitê Executivo de Gestão (Gecex) da Câmara de Comércio Exterior (Camex)

Pedágios poderão subir mais 9,74%
Brasil e Argentina negociam política industrial comum integrando parques de produção
Porto de Paranaguá terá dois novos terminais para fertilizantes e veículos

O governo reduziu ontem as tarifas de importação de 306 produtos, principalmente máquinas utilizadas na produção, sem similar nacional. Eles foram incluídos na lista de ex-tarifários, mecanismo que reduz a tarifa temporariamente. A decisão foi tomada ontem pelo Comitê Executivo de Gestão (Gecex) da Câmara de Comércio Exterior (Camex). Dessa forma, cria-se um estímulo ao investimento, à medida que se pode importar maquinário mais barato.

Do total incluído no regime, 301 são de bens de capital, cuja alíquota média passou de 14% para 2% até 31 de dezembro de 2010. ´Os principais setores beneficiados são os de bens de capital (14,18%), elétrico (11,82%), metalúrgico (11,23%), papel e celulose (9,81%), gráfico (8,54%), médico-hospitalar (6,08%), autopeças (6,05%), automotivo (3,77%), eletroeletrônico (3,32%) e outros (6,64%)´, informou o ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) em nota à imprensa.

Outros quatro produtos beneficiados são do setor de bens de informática e de telecomunicações, com a tarifa de importação que variava de 11% a 16%, caindo para 2% até o fim do ano que vem.

COMMENTS