Brasil e Bolívia inauguram trechos do corredor bioceânico

No total, serão entregues nesta quinta-feira 241,2 quilômetros de estradas asfaltadas, sendo 139,2 quilômetros interligando as cidades bolivianas de Arroyo Concepción e El Carmen e 102 quilômetros no trecho El Carmen a Roboré

Iveco não muda estratégia de crescimento
Exata elege Centro-Oeste em projeto de expansão
Lufthansa pode comprar 42,8% da Austrian Airlines

Os presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Evo Morales, da Bolívia, inauguram hoje (15) dois trechos do chamado corredor bioceânico, rodovia que ligará o Atlântico (Brasil) e o Pacífico (Chile e Peru). No total, serão entregues nesta quinta-feira 241,2 quilômetros de estradas asfaltadas, sendo 139,2 quilômetros interligando as cidades bolivianas de Arroyo Concepción e El Carmen e 102 quilômetros no trecho El Carmen a Roboré.

A cerimônia será às 9h, na região de Arroyo Concepción. Logo depois, os dois presidentes seguem para a Base Naval de Ladário (MS) onde, às 12h, se reúnem com ministros e assessores de seus países. No encontro, devem ser assinados acordos para a construção de uma estrada de 306 quilômetros entre Villa Tunari e San Ignacio de los Moxos, na Bolívia. Também devem ser discutidas questões sobre energia, combate ao narcotráfico e comércio bilateral.

Ao fim dos trabalhos (13h15), haverá assinatura de atos e entrevista à imprensa.

Participam da reunião os ministros da Defesa, Nelson Jobim, da Justiça, Tarso Genro, dos Transportes, Alfredo Nascimento, de Minas e Energia, Edison Lobão, e do Desenvolvimento Indústria e Comércio Exterior, Miguel Jorge.

Ainda hoje (14h), no mesmo local, Lula oferece almoço em homenagem a Evo Morales. Depois (16h15), deixa Mato Grosso do Sul com destino a Maracaibo, na Venezuela. O avião presidencial fará escala em Porto Velho às 17h10. O desembarque de Lula e comitiva na cidade venezuelana está previsto para as 20h15.

Link para a matéria

COMMENTS