Defesa Civil divulga lista de produtos mais necessários às vítimas das cheias

A Defesa Civil definou os produtos mais necessários nos 13 municípios em estado de calamidade pública

Concessão de rodovia deve triplicar e atrair investidores
Expresso Mirassol vence premiação de logística da Volkswagen do Brasil
Exportações de milho em janeiro são recorde com alta de 166,8%

Para facilitar os trabalhos de triagem e armazenamento dos donativos para as vítimas das enchentes em Santa Catarina, a Defesa Civil estabeleceu ontem (1º) requisitos para os produtos a serem doados pela população. Também definou os produtos mais necessários nos 13 municípios em estado de calamidade pública.

As listas são as seguintes:

Higiene pessoal: sabonetes, escova de dentes, creme dental, papel higiênico, cotonetes, xampus, pente, toalhas de rosto,

absorventes e  fraldas geriátricas.

Limpeza: vassouras, rodos, panos de chão, baldes, sabão em pó, água sanitária, sacos de lixo (50 e 100 litros).

Produtos infantis: fraldas, bicos, mamadeiras.

Diversos: velas/ fósforos, colchões, travesseiros, cobertores, pratos de plastico (duráveis), copos de plástico (duráveis), talheres, sacos de plástico de 3 e 5 litros, sem ser de lixo, para acondicionar kits de higiene pessoal, lonas plásticas

Requisitos para as doações:

Alimentos não podem ser perecíveis e devem estar dentro do prazo de validade e a embalagem tem de estar íntegra.

Os colchões, cobertores, roupa de cama e travesseiros devem estar limpos, em bom estado de conservação e prontos para uso. As roupas devem estar limpas e em condições de uso, não podendo estar rasgadas ou danificadas. No caso dos sapatos, o par deve estar completos, com os dois pés amarrados juntos, e com numeração marcada com caneta

Os utensílios domésticos devem estar funcionando e em bom estado de conservação. Já os produtos de limpeza não podem ser acondicionados com alimentos e roupas para evitar contaminação, nem com a embalagem desintegrada.

Link para a matéria

COMMENTS