CNI alerta empresas para a importância das normas de segurança na cadeia logística

“É uma iniciativa da CNI para mobilizar o empresariado para a importância da adoção de alguns critérios e normas de segurança, para que se possa gerar um fluxo adequado e ágil na cadeia logística”, disse o gerente-executivo de Comércio Exterior, José Frederico Álvares

Azul fará voos fretados para a Argentina
Defesa Civil divulga lista de produtos mais necessários às vítimas das cheias
Petrobras pode reduzir preço de combustíveis se petróleo mantiver cotação atual

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) promoverá, em São Paulo, em 4 de dezembro, o Seminário Cadeia Logística Segura e Competitividade. “É uma iniciativa da CNI para mobilizar o empresariado para a importância da adoção de  alguns critérios e normas de segurança, para que se possa gerar um fluxo adequado e ágil na cadeia logística”, disse o gerente-executivo de Comércio Exterior, José Frederico Álvares.

Segundo Álvares, sem a adoção dessas medidas podem surgir danos ao processo de exportação como a retenção de mercadorias nos portos de destino. “Temos que nos preparar para a adequação a essas normas antes do embarque da mercadoria, com  alguns critérios de programas estabelecidos pela Organização Mundial das Aduanas (OMA). Dessa forma seremos mais céleres no processo de despacho aduaneiro. Essas ações darão competitividade a nossas exportações”.

No evento também será divulgada a experiência em cadeia logística e segurança realizada no Reino Unido, a vivência empresarial do Brasil nesta área e a visão do governo em relação às normas de segurança da OMA.

Também serão apresentados os riscos e vantagens da implementação do Programa Operador Econômico Autorizado, selo que garante facilidade de fluxo de despacho aduaneiro. “No seminário teremos o relato das experiências da empresa brasileira Eaton na adoção destes critérios e seus ganhos de competitividade. A empresa atua em vários segmentos industriais e tem uma grande preocupação com a cadeia logística”, afirmou o gerente.

Link para a matéria

COMMENTS