China pode se converter no maior mercado da DHL

A companhia domina aproximadamente 34% do mercado de serviços expressos da China

Diretor da ANP considera difícil Brasil adotar carro de passeio movido a diesel
Dnit defende ampliação do orçamento para hidrovias
Defensivos e fertilizantes podem ficar isentos de adicional de frete

A China poderá se tornar o maior mercado da DHL no mundo, considerando-se o volume de serviços expressos, afirmou hoje Wu Dongming, diretor administrativo da DHL-Sinotrans, joint venture entre a DHL e a Sinotrans. O anúncio foi feito após a DHL informar que planeja finalizar suas operações e serviços no mercado interno dos Estados Unidos.

A companhia domina aproximadamente 34% do mercado de serviços expressos da China, e concorre com as rivais FedEx e UPS. Desde que a gigante de logística estabelecida na Bélgica formou uma empresa conjunta com a Sinotrans na China, em 1986, a empresa investiu US$ 1,3 bilhão na parte continental do país, incluindo Hong Kong e Taiwan, que constituem 59% do total de investimentos na Ásia.

Wu Dongming afirmou que a DHL possui quatro centros de serviços e logística na China, localizados em Pequim, Xangai, Guangzhou e Shenzhen, e reiterou que a companhia planeja desenhar e distribuir novos produtos a partir do segundo trimestre de 2009.

A DHL-Sinotrans reportou em 2007 um lucro líquido de 5,38 bilhões de iuanes (US$ 788,7 milhões). (Redação – InvestNews)

COMMENTS