Ibama suspende licenciamento de rodovia do PAC

A rodovia é uma das obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) na Amazônia

CCR fecha aquisição e vai para inspeção veicular
Mesmo com crise, montadoras investem
Capacitação contra acidentes

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama) decidiu suspender por 60 dias o processo de licenciamento ambiental do trecho central da BR-319, que liga Porto Velho a Manaus. A rodovia é uma das obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) na Amazônia.

De acordo com o ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, um grupo de trabalho vai analisar a implantação de “um bolsão verde em torno da rodovia” para amortecer os impactos ambientais da obra.

Segundo Minc, sete unidades de conservação federais já foram criadas em torno da BR-319, mas ainda serão necessárias três unidades de conservação estaduais para proteger a região.

“Essa é a área mais preservada da Amazônia e não queremos que vire uma espinha de peixe. Parque de papel não protege nada, só protege a má-consciência”, disse o ministro em referência à necessidade de implantação efetiva de unidades de conservação. (Luana Lourenço – Repórter da Agência Brasil)

Link para a matéria

Leia mais:
Suspensão de licenciamento de rodovia do PAC é “preventiva”, diz Minc

COMMENTS