Motores Mercedes ultrapassam a barreira de um milhão de km rodados

Motores Mercedes ultrapassam a barreira de um milhão de km rodados

Transportadora de cargas e empresa de ônibus registram a longevidade de suas unidades de caminhões Axor 2035 e dos ônibus com chassis OF 1418 e 1722

Um caminhão que inspira rodar pelo mundo
É paixão! ‘Loucos’ por Scania mostram seu amor pela marca
Alstom começa a testar ônibus elétricos

Nesta semana, a Mercedes-Benz divulgou os registros de dois de seus clientes que têm veículos da marca que já ultrapassaram a barreira de um milhão de quilômetros rodados sem abrir o motor.

Motores milionários

O primeiro exemplo é o da Lotrans, empresa de transporte de cargas fechadas e fracionadas que opera com destaque nos setores de papel e celulose, produtos siderúrgicos e automobilísticos.

A transportadora, com sede na pequena cidade paulista de Mogi Guaçu, tem uma frota de 50 caminhões Mercedes-Benz Axor 2035, todos comprados novos entre 2009 e 2110. Destes, dez já passaram a marca de 1,28 milhão de quilômetros rodados, sem abrir o motor, mantendo apenas com as manutenções preventivas e corretivas e utilizando somente peças genuínas Mercedes nas manutenções.

Ônibus fortes

No segmento de passageiros, o destaque vai para a São Gonçalo, empresa de ônibus urbanos que opera em Contagem, Minas Gerais. A empresa tem dois ônibus equipados com chassis Mercedes-Benz, um modelo OF 1418 e outro OF 1722 que já passaram de um milhão de quilômetros sem abrir o motor. Os dois ônibus são utilizados nas severas condições do transporte urbano coletivo de passageiros.

A São Gonçalo transporta mais de 1,5 milhão de passageiros por mês na Região Metropolitana de Belo Horizonte e tem uma frota de 300 ônibus, quase que em sua totalidade da Mercedes-Benz. Somente 10 não são da marca da Estrela.

“Visando assegurar a rentabilidade operacional desejada pelos clientes, a Mercedes-Benz está cada vez mais presente no dia a dia das empresas de transporte, oferecendo soluções para todas as suas demandas”, afirma Silvio Renan, diretor de Peças e Serviços ao Cliente da Mercedes-Benz do Brasil. “Nesse sentido, o uso de Peças Genuínas Mercedes-Benz assegura longa vida útil aos motores, com melhor funcionalidade e maior durabilidade e resistência aos veículos. Tudo para que o cliente tenha a máxima disponibilidade e confiabilidade do seu veículo, além de um motor mais eficiente e econômico, com reduzido índice de emissões”.

Leo Doca – Agência Transporta Brasil (ATB)
agencia@transportabrasil.com.br

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS