Volvo inicia vendas de caminhões elétricos urbanos na Europa

Volvo inicia vendas de caminhões elétricos urbanos na Europa

A Volvo Trucks anunciou o início das vendas de seus caminhões elétricos Volvo FL e Volvo FE em alguns mercados da Europa, atendendo à demanda crescente por soluções em transportes sustentáveis em ambientes urbanos. O início da produção está agendado para março de 2020. As vendas iniciarão na Suécia, Noruega, Alemanha, Suíça, França e Países Baixos

Os protagonistas de 2018
Librelato quer um quinto do mercado em 2019
Randon faz primeira exportação para a Costa do Marfim

A ausência de emissões e os reduzidos níveis de ruídos dos caminhões elétricos oferecem um imenso potencial em áreas urbanas. Os baixos níveis de ruído possibilitam a realização de entregas e coleta de resíduos à noite, ajudando a melhorar a logística de transportes e a diminuir o congestionamento nas horas de pico. Proporcionando uma melhor qualidade de ar e menos ruído, espera-se que caminhões elétricos criem novas oportunidades em planejamento urbano e de infraestrutura viária. Além disso, caminhões elétricos podem, por exemplo, ser usados em ambientes fechados ou em áreas de proteção ambiental.

“A tendência global de urbanização requer urgência no desenvolvimento de uma logística urbana e também veículos sem emissões e com menos ruídos”, diz Jonas Odermalm, vice-presidente de produtos de eletromobilidade da Volvo Trucks. Ele lembra que um dos desafios é maximizar a carga útil ao mesmo tempo em que se otimiza a autonomia do veículo.
O Volvo FL Elétrico, com PBT (Peso Bruto Total) de 16 toneladas, e o Volvo FE Elétrico, com PBT de 27 toneladas, foram desenvolvidos em colaboração com clientes que operam na cidade de Gotemburgo na Suécia, onde está a matriz do Grupo Volvo. “O feedback tem sido extremamente positivo e os motoristas estão impressionados pela performance do trem de força, a aceleração contínua e pelo silêncio dos veículos quando em operação”, destaca Odermalm.

A Volvo trabalha em conjunto com autoridades públicas e parceiros privados em busca de expansão da infraestrutura de recarga a longo prazo. “Veículos elétricos, recarregados com energia de fontes renováveis são um passo importante em direção a uma operação de distribuição mais sustentável nas cidades. Mas não existirá uma única fonte de energia que consiga abranger as mudanças climáticas e todas as outras questões ambientais. Diferentes tipos de transportes necessitarão de tipos diferentes de soluções em trem de força”, conclui o executivo.

Por Ricardo Panessa, especial Agência Transporta Brasil

Agência Transporta Brasil (ATB)
agencia@transportabrasil.com.br

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS