Plataforma RIO de conectividade já equipa mais de mil caminhões Volkswagen

Plataforma RIO de conectividade já equipa mais de mil caminhões Volkswagen

Testes na distribuição urbana de São Paulo comprovam eficiência das soluções de conectividade oferecidas pelo Grupo TRATON

Cummins apresenta caminhão com célula de combustível a hidrogênio
Implementos esperam uma Fenatran de crescimento
Ônibus da SBCTrans ajuda mais de 10 mil animais todo mês

A RIO – empresa de conectividade do Grupo TRATON– faz sua estreia no mercado nacional com a preparação de fábrica dos caminhões Volkswagen e MAN para receber os mais modernos serviços de conectividade. Já em testes, mais de 1000 caminhões produzidos no complexo industrial de Resende possuem a RIO Box instalada, utilizando as inovadoras soluções de conectividade da marca.

 

Entre os testes de campo realizados previamente ao lançamento da RIO, destaca-se o trabalho junto à rede de drogarias São Paulo. A empresa possui mais de 1.300 farmácias em cinco Estados, das quais 730 na região metropolitana da capital paulista. Parte da frota que realiza a complexa atividade de entrega de medicamentos na maior cidade do Brasil é formada por modelos Volkswagen. Em dez desses modelos, da Nova Família Delivery, foi instalada a RIO Box pelo período de um mês.

Operando 24 horas por dia, a RIO Box conseguiu otimizar a segurança, reduzir o consumo de combustível e prolongar a vida útil de componentes –como os freios–, entre outros fatores. Da mesma forma, foram realizados testes na Braslog Logística, durante 24 dias, em veículos das famílias Constellation e MAN TGX, obtendo resultados similares de oportunidades de otimização dos negócios –como controle de velocidade máxima e tempo de ociosidade da frota, entre outros fatores.
Os dados foram apresentados às empresas como parte do recém-lançado programa de relacionamento da VWCO com seus clientes: o Volkscare, também apresentado durante a Fenatran, e que utiliza os dados da RIO para compor a chamada Gestão de Serviços sob medida.

“Com base nas informações da telemetria, partiremos para uma nova etapa, que consiste no treinamento dos motoristas na condução do veículo da maneira mais econômica e segura, com o intuito de fazer nosso cliente obter o melhor rendimento dos caminhões”, afirmou Ricardo Alouche, vice-presidente de Vendas, Marketing e Pós-Vendas da VWCO.

Por Ricardo Panessa especial para a Agência Transporta Brasil

COMMENTS