Terminal capixaba vai promover o transporte rodoferroviário de rochas ornamentais

Terminal capixaba vai promover o transporte rodoferroviário de rochas ornamentais

O Grupo Guidoni arrendou parte do Terminal Rodoferroviário de Cargas em Colatina (ES). A estrutura pode movimentar dois milhões de toneladas de carga por ano

Mercedes-Benz aposta alto na nova Sprinter
A Fenatran é para todos!
Fim do F-350: como ficam os semileves?

Um grande operador da extração de rochas ornamentais brasileiro, o Grupo Guidoni, deu um passo para promover o transporte rodoferroviário de seus produtos no Espírito Santo. A empresa, que é a maior exportadora de rochas ornamentais do Brasil, arrendou parte do Terminal Rodoferroviário de Cargas, em Colatina, no Espírito Santo.

A estrutura permite a ligação das rodovias BR-259 e ES-080 (Rodovia do Café) com a malha ferroviária capixaba, além de facilitar a circulação das mercadorias entre os portos de Vitória, Praia Mole – Serra e Vila Velha, agilizará o escoamento de cargas com materiais produzidos pela companhia. As atividades da Guidoni no local começam agora em agosto.

Negócio próspero

Atualmente, o Brasil carrega o título de 6º maior exportador mundial de rochas ornamentais, sendo quase 80% de todo faturamento atribuído ao Espírito Santo. Nesse cenário, com o novo investimento da companhia, as vendas de blocos extraídos na região pela empresa – que já representam 39,5% de todo o valor exportado pelo estado tendem a aumentar. A expectativa é que ainda em 2019 a Guidoni trabalhe com um volume adicional de 200%.

Inicialmente, o novo centro logístico atenderá aos portos de Vitória, mas futuramente será utilizado para contemplar as demais regiões do Brasil, assim como para transportar matérias de jazidas mais distantes até a indústria de beneficiamento do grupo em São Domingos.

Agência Transporta Brasil (ATB)
agencia@transportabrasil.com.br

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS