Scania: vinte mil vezes conectada

Scania: vinte mil vezes conectada

Fabricante reforça sua estratégia nos serviços conectados e Internet das Coisas para fazer a diferença na gestão dos caminhões e ônibus e trazer mais produtividade para os transportadores

Librelato apresenta semirreboque de liga de aço com nióbio
DAF expõe linha completa CF, LF e XF105 especial
Pósitron Stoneridge apresenta novas soluções de rastreamento

Scania: vinte mil vezes conectada

Já são 20 mil. Este é o número de veículos Scania conectados no Brasil. São 18.800 caminhões e 1.200 ônibus com suas conexões de dados ativas, comunicando informações de sua performance e estado de manutenção para uma central inteligente que gerencia toda a vida do veículo, ajudando a tirar o máximo da máquina.

Os serviços conectados Scania já não são novidade, pois foram lançados em 2017 e a Scania projeta chegar a 28 mil veículos online até o fim deste ano. No mundo, são 400 mil computadores ambulantes gerenciando caminhões e ônibus da marca, gerando dados para melhorar as operações em todos os sentidos.

“Toda esta inteligência de dados nos proporcionam resultados práticos fantásticos. Conseguimos ir bem no detalhe da operação do cliente para economizar combustível e diminuir emissões de poluentes, aumentar a rentabilidade e disponibilidade da frota, além de ajudar a melhorar a condução do motorista e diminuir os acidentes”, afirma Roberto Barral, vice-presidente das Operações Comerciais da Scania no Brasil. “A conectividade criou uma nova gestão para quem atua no setor de transportes e a sobrevivência no mercado passa por tirar o máximo de proveito da análise qualitativa dos dados da viagem.”

Como funciona?

Quem faz parte do serviço tem em seu caminhão ou ônibus um módulo comunicador de dados, que pode ser instalado em veículos com fabricação a partir de 2012. Os caminhões fabricados a partir de 2016 já saíram de fábrica com esta belezinha.

Este módulo fica ligado às funções eletrônicas do caminhão, no barramento do sistema do motor. Também diversos outros parâmetros, para saber sobre consumo, hábitos de direção e performance. Além disso, o estado da máquina e suas previsões e necessidades de manutenção.

“Para quem tem o veículo da geração anterior e está adquirindo o lançamento estamos comprovando a importância da continuidade. Por outro lado, os novos clientes da marca já percebem claramente o salto de rentabilidade. A tendência de conectar o caminhão com o serviço pago só aumenta. Quanto mais tecnologia tiver o produto mais a conectivade irá contribuir. É a nova gestão sustentável do negócio”, salienta Fábio Souza, diretor da Scania.

Muitos ganhos na Nova Geração

Lançada em 2018, a nova família de caminhões Scania já tem 1.900 unidades conectadas, sendo que 1,1 mil fazem parte do pacote Desempenho, no qual o dono da frota tem acesso a todos os dados e pacotes de gerenciamento.

Com os caminhões ligados na internet, a Scania oferece ao mercado serviços de treinamento, com os Drivers Services. Tem a manutenção flexível, com ganhos de até 20% na disponibilidade do caminhão. E o novo serviço de gestão dedicada de frota, o PMS Fleet Care, com atenção especial de um gestor para cuidar dos veículos.

Novos tempos na gestão de frotas. Frotas conectadas já realidade muito palpável no Brasil. Ponto para o transporte brasileiro!

Leonardo Andrade – Editor-chefe da Agência Transporta Brasil
leodoca@transportabrasi.com.br

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS