Aumenta demanda por VW Delivery implementado de fábrica

Aumenta demanda por VW Delivery implementado de fábrica

VWCO vende Delivery Express e 4.150 já implementados com Randon e já representam mais de 10% das vendas

Peugeot vai de Boxer Minibus para a Fenatran
Embraer fecha contrato de manutenção de jatos E190 com empresa da Mongólia
Nova geração Scania já chega ao pódio dos mais vendidos

A estratégia da VWCO em oferecer de fábrica veículos da gama Delivery completos, ou seja, já implementados de fábrica, parece estar dando resultados. Do total das vendas dos atuais Delivery Express e Delivery 4.150, mais de 10% saem implementados de fábrica.

Deve-se ressaltar que isso é um diferencial da marca, que é a única a oferecer caminhões já implementados de fábrica, mas exclusivos a esses dois modelos. O cliente pode escolher entre carga seca ou baú, com todas as garantias desses equipamentos preservadas por seu fabricante que é a Randon.

Os implementos foram desenvolvidos pela Randon para os caminhões da VW e contam com um ano de garantia total. E os diferenciais não param por ai. Os Delivery também podem sair de fábrica com câmera de ré, rádio e autofalantes instalados pelo centro de modificações BMB.

Esse tipo de aquisição permite agilizar a entrada do veículo na operação, já que os modelos saem prontos da fábrica.

“Fechamos uma parceria inédita com a Randon para beneficiar nossos clientes, que deixam de se preocupar com o processo de implementação, recebem o veículo pronto para operar mais rapidamente e ainda desfrutam uma condição comercial mais competitiva”, explica Ricardo Yada, supervisor de marketing de produto da Volkswagen Caminhões e Ônibus.

Atributos para a operação

Com entre-eixo de 3.000 mm e 3.600 mm, os caminhões Express e 4.150 são ofertado com carrocerias de 3,50 m ou 4,20 m de comprimento; 2,2 m de largura; e 0,4 m de altura. Essas dimensões já estão ajustadas para um amplo leque de aplicações. Como carga seca, essa configuração é ideal para o transporte de materiais de construção, hortifrutis ou mesmo produtos envazados. Já o baú é adequado para carregar eletrodomésticos, flores, peças ou qualquer outra aplicação de distribuição urbana.

Mercado

Apesar de o Delivery Express e o 4.150 não figurarem entre os mais populares da nova família de caminhões Delivery – esse feito ficou por conta das versões de 6 t, 9 t e 11 t da mesma família – eles têm atributos que os posicionam como únicos no segmento em que atuam.

O Express, por exemplo, é um veículo leve, que disputa espaço no segmento de chassi-cabines, mas com a robustez de caminhão. Isso pode não lhe render em volume de vendas, ele é mais caro frente aos seus principais rivais, mas é uma opção interessante para quem necessita de um veículo com capacidade de carga e força. Além disso, ele pode ser conduzido por motoristas com carteira de habilitação categoria B.

O 4.150, porém, tem a vantagem de ser adquirido via leansig pelo Banco Volkswagen com taxas mais atrativas em relação a um caminhão de mesma categoria ou até mesmo uma picape.

Andrea Ramos
Editora-executiva da Agência Transporta Brasil
andrearamos@transportabrasil.com.br 

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS