ZF está na Ford

ZF está na Ford

As transmissões automatizadas TraXon e EcoTronic fabricadas pela ZF passam a equipar os lançamentos da Ford Caminhões no Brasil

Aracaju recebe ônibus Neobus
Biarticulados Scania já estão em Curitiba
Retomada do setor: vendas de caminhões avançam 46,7% em 2018

Os primeiros veículos a receber as transmissões estão presentes na nova família Cargo Torqshift da marca. A TraXon de 12 velocidades vai equipar os modelos Cargo 2631, Cargo 3131 e Cargo 3133, enquanto a EcoTronic, de 9 marchas, equipa os modelos Cargo 1419, Cargo 1519 e Cargo 1719.

A TraXon ficou conhecida no ano passado, quando o Ford F-Max foi eleito Caminhão do Ano 2019, durante o IAA (Salão de Hannover), que acontece na Alemanha. Essa transmissão e a EcoTronic estreiam na gama de caminhões da Ford em todo mundo.

Silvio Furtado, diretor de vendas da ZF América do Sul, explica que esta é a primeira aplicação destas tecnologias no Brasil. “A EcoTronic será 100% montada no Brasil já em 2019, enquanto a TraXon, que momentaneamente é importada da Alemanha, será produzida em Sorocaba a partir de 2020”, prevê Furtado.

Tanto a TraXon como a EcoTronic receberão o conjunto de embreagens ZF modelos 430 Push Type e 362 Push Type, respectivamente. Além destes produtos, vários modelos da marca recebem componentes de chassis da ZF.

Inteligência na máquina

O executivo explica que do ponto de vista de hardware foram aplicadas pequenas alterações nas transmissões, eventualmente relacionadas às interfaces com o powertrain. Já em relação ao software a adaptação foi mais longa e específica, alinhada aos requisitos da montadora. Em ambos os casos, a programação das transmissões foi realizada entre as engenharias da ZF do Brasil e Alemanha, sendo a maior parte de responsabilidade local. Vários testes foram conduzidos pelas equipes, entre eles os de bancada na Alemanha, com dinamômetros, além dos testes veiculares no campo de provas da própria Ford e em frotistas do Brasil.

De acordo com Furtado, sempre existe a necessidade de adequações visando uma melhor performance nos requisitos técnicos exigidos pelos clientes. “Analisando a topografia e a temperatura locais, bem como as necessidades específicas dos operadores de transporte, mesmo com um conjunto básico de hardware e software, os sistemas de ambas as transmissões permitem ajustes finos em sua calibração. Tudo para que a transmissão possa sempre extrair a melhor curva de torque e potência do motor”, detalha.

Mais um exemplo desta adequação está no pedido da Ford de desenvolver a função “Low”, tanto para a EcoTronic como para a TraXon. Com isso, os caminhões conseguem entregar um auxílio em situações de frenagem e declive. Além de estratégias específicas de condução, como a função atoleiro, que auxilia na partida do veículo em terrenos com baixa aderência, como o arenoso, por exemplo.

Sobre as caixas

TraXon

A configuração que equipa os modelos C2631, C3131 e C3133 é a transmissão de 12 marchas da TraXon. Trata-se de um dos mais modernos sistemas de transmissão já desenvolvidos pela ZF. A versão básica já oferece um elevado nível de eficiência – sobretudo graças à sua compatibilidade com um torque do motor de até 3.400 Nm (versão overdrive), ampla relação de marcha, grau de eficácia que chega a cerca de 99,7% e excelente relação potência-peso. Aliada a isso, está a inovadora unidade eletrônica da ZF, baseada em uma plataforma unificada de software.

EcoTronic

A transmissão automatizada de 9 marchas equipa os modelos C1419, C1519 e C1719. Trata-se de uma transmissão de peso reduzido em relação ao que existe no mercado. Há clientes que já reconhecem o conceito de transmissão de nove velocidades mais eixo traseiro com simples redução como a mais robusta e eficaz solução para as aplicações do segmento de caminhões médios e semipesados. Um componente que desempenha um papel essencial no conforto do sistema 9AS EcoTronic é a Unidade de Controle Eletrônico – que baseia-se na mesma plataforma de software de controle da TraXon. Além de possibilitar diferentes modos de condução – de Eco até Power – com sua arquitetura de software e dependendo da aplicação, a unidade de controle oferece diversas funcionalidades adicionais opcionais.

Agência Transporta Brasil – ATB
agencia@transportabrasil.com.br

COMMENTS