Andamos no novo Iveco Hi-Road

Andamos no novo Iveco Hi-Road

Nikola e CNH se unem para fabricar caminhões movidos a células de combustível e bateria
VW mostra novo caminhão para cana
Marcopolo entrega Torinos capixabas ao Espírito Santo

Da Agência Transporta Brasil – A Iveco fechou o ano de 2018 com um grande lançamento para seu porfolio de caminhões. A empresa trouxe para o mercado os pesados Hi-Road, veículos com configurações de eixos 4×2, 6×2 e 6×4 e motorização de 9 e 13 litros.

O Cursor 9 tem potência de 360 cv (4×2), e o Cursor 13 tem duas faixas de potência, 400 cv (4×2 e 6×2) e 440 cv (4×2, 6×2 e 6×4), com torque máximo de 2.250 Nm. A transmissão é automatizada de 16 velocidades à frente + duas marchas à ré, e o tanque de combustível tem capacidade, de série, para 900 litros.

“Esse caminhão é o modelo adequado para o atual momento econômico, que pede um produto com baixo custo de operação, conforto para o motorista e a robustez que o segmento exige”, destaca Ricardo Barion, diretor de Marketing e Vendas da IVECO para a América Latina.

Impressões

Nossa equipe dirigiu o caminhão na pista de testes da Iveco em Sete Lagoas, Minas Gerais. De início, a experiência chama atenção para o tamanho da cabine e para o acabamento do caminhão. Os nichos para guardar objetos, a disposição do volante e a posição de dirigir são muito adequados e trazem realmente conforto para o motorista. Os bancos trazem estilo esportivo, com o logo do caminhão bordado, e os itens de conforto são muitos. Ao dirigir, percebe-se bem a calibração do câmbio automatizado conversando com o motor, que reage rápido nas retomadas e promete trazer uma relação balanceada, para fazer boas médias.

Conforto para o motorista

O caminhão tem cabine totalmente nova que, segundo a Iveco, está entre as mais leves do mercado. Tem teto alto de série, para-sol, defletor de ar lateral e defletor inferior. Por dentro, o Hi-Road tem muitos encantos: trio elétrico (vidro e trava elétrica, além do retrovisor aquecido e elétrico), banco High Comfort, ar-condicionado e climatizador, rádio com CD, MP3 e entrada USB, volante com comandos integrados, box térmico e cabine com suspensão pneumática – com quatro bolsas.

“Agora temos um caminhão que faz parte de um ‘novo momento’ para a Iveco, fruto do investimento de US$ 120 milhões no desenvolvimento de novos produtos, até 2019, e o aprimoramento dos serviços de venda e pós-venda, com a abertura de concessionárias, para aumentar a capilaridade da Rede de forma estratégica e padronizar a qualidade dos serviços prestados aos consumidores”, informa Barion.

A produção do novo caminhão da Iveco começa agora em 2019.

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!

Agência Transporta Brasil – ATB
redacao@transportabrasil.com.br

 

COMMENTS