Itens de reposição para veículos pesados registram alta de 11,4% entre janeiro e maio

Resultado compara desempenho dos fabricantes de autopeças em igual período de 2016

Balança comercial do setor de autopeças registra déficit de US$ 4,72 bi no acumulado do ano
Setor de autopeças está com mais de 50% da capacidade ociosa
Déficit comercial de autopeças do Brasil chega a US$ 4,3 bi

O Sindicato Nacional da Indústria de Componentes para Veículos Automotores (Sindipeças) divulgou um novo relatório apontando que o faturamento das fabricantes de autopeças com itens de reposição para veículos pesados registrou alta de 11,4% no acumulado de janeiro a maio em comparação com os mesmos meses do ano passado.

O desempenho da reposição para pesados atingiu em maio seu melhor índice desde o último bimestre de 2015. Já os modelos leves registraram queda de 3,6%. Ao somas os dois segmentos o setor apresenta um acréscimo de 0,7% do faturamento com a reposição sobre os mesmos cinco meses de 2016.

COMMENTS