Feriado de carnaval termina com menos acidentes nas rodovias federais

Feriado de carnaval termina com menos acidentes nas rodovias federais

Foram registrados 1.696 acidentes, número 5,3% menor que no período em 2016

Rodovias federais já acumulam quase dois milhões de multas em 2015
Viracopos (SP) terá pista de emergência em 2013
Setor aéreo latino-americano é o menos seguro do mundo

feriado-carnaval-17

O feriado de carnaval teve menos acidentes nas rodovias federais em relação ao ano passado. De acordo com um balanço divulgado no dia 2/3 pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), entre 24/2 e 1/3, foram registrados 1.696 acidentes, número 5,3% menor que no ano passado.

Apesar da queda nos acidentes, 140 pessoas morreram, ou seja, 27 a mais que no carnaval de 2016.

“O aumento dos acidentes com vítimas fatais certamente foi provocado pela imprudência dos motoristas, que transitaram fazendo essa combinação letal de ultrapassagens irregulares com velocidade incompatível”, disse o coordenador de Controle Operacional da PRF, João Francisco Oliveira. “Por melhor que seja a fiscalização, as condições da rodovia e as ações de qualquer órgão governamental, o comportamento dos motoristas é o que faz o sucesso ou insucesso de qualquer operação nossa”, completou.

Além disso, foram emitidas 84,8 mil autuações, mais que o dobro do carnaval passado, quando foram feitas 41,5 mil. Das mais de 80 mil autuações nos seis dias da operação deste ano, 2.019 foram por consumo de álcool e 11,8 mil por ultrapassagens irregulares. O aumento nos números se deve a um maior rigor na fiscalização e não necessariamente à maior imprudência dos condutores, segundo a PRF.

Para a Operação Carnaval foram utilizadas 1,2 mil viaturas, 1,6 mil etilômetros e 200 radares portáteis. Foram fiscalizadas 222.801 pessoas e 205.137 veículos.

Com informações da Agência Brasil

COMMENTS