Arrecadação com multas de trânsito sobe quase 280% em cinco anos

Número corresponde às infrações notificadas pela Polícia Rodoviária Federal, além da ANTT e do DNIT

Policiamento de trânsito poderá ser exclusividade da Polícia Militar
Uso de faróis baixos será obrigatório em rodovias
Agentes de trânsito poderão usar aparelho para identificar consumo de droga

multas-de-transito

Um estudo aponta que arrecadação com multas de trânsito aplicadas por órgãos federais subiu 273% em cinco anos analisados. Além disso, o número de infrações registradas subiu 195% no mesmo período. O valor arrecadado em 2016 com as multas aplicadas chegou a R$ 888,8 milhões contra R$ 238,1 milhões em 2011.

Os dados do sistema Renainf incluem multas aplicadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), além daquelas cometidas fora do estado de origem do veículo, em estradas ou nas cidades.

O sistema Renainf é formado por registros feitos em estradas federais, por radares e agentes, ou seja, os dados refletem apenas uma parte do montante de infrações de trânsito registradas no Brasil.

Ao longo desses cinco anos, a frota brasileira cresceu 33%, conforme dados do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

COMMENTS