Rodoviário

Aliança Renault-Nissan anuncia nova divisão de comerciais leves

Novo segmento tem como objetivo ampliar sinergia entre montadoras e expandir vendas

16/3/2017

11h03

Redação

Entre em contato

comerciais-renault

A Aliança Renault-Nissan informou em nota que passará a contar a partir do mês de abril com uma nova unidade de negócios dedicada a veículos comerciais leves.

Esse segmento terá todas as atividades relacionadas aos modelos utilitários produzidos pelo grupo, o que significa que haverá atenção ao desenvolvimento, além da produção e do compartilhamento de plataformas e tecnologias. A nova divisão também incluirá a Mitsubishi, recém adquirida pela Nissan.

Com isso, haverá intensificação de compartilhamento de produtos entre as marcas, como já ocorre entre a Renault e a Nissan.

“A combinação da Renault, da Nissan e da colaboração inicial com a Mitsubishi em uma unidade de negócios de veículos comerciais leves aumentará as vendas e proporcionará maiores sinergias”, comenta o CEO do grupo, Carlos Ghosn. “Com esse movimento, planejamos expandir nossa participação de mercado, acelerando nosso desempenho em mercados atuais e novos com alto potencial de crescimento, com base nos principais produtos e conhecimento de mercado de cada empresa, orientados pelas necessidades dos clientes.”

  • tv transporta brasil

    TVTRANSPORTABRASIL
  • Publicidade

  • Articulistas

    Brasil necessita de soluções e pensamento estratégico para alavancar setor de transporte logístico

    Edésio de Campos Horbylon Neto é diretor superintendente da 3T Systems, do Grupo José Alves. Graduado em Direito pela Faculdade Anhanguera de Ciências Humanas, possui especialização MBA em Estratégias de Gestão em Marketing pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. O executivo acumula passagem na Autotrac, Texaco do Brasil e Xerox do Brasil.

    Fraude no Controle de Emissões de Veículos Diesel cresce no País

    Artigo exclusivo do diretor da AFEEVAS, Associação dos Fabricantes de Equipamentos de Controle de Emissões de Poluentes da América do Sul, para o Portal Transporta Brasil, alerta para o problema da pirataria para driblar o uso do Arla 32

  • Publicidade

  • Publicidade

  • Bolsa de Valores – ADVFN

  • Redes Sociais

    Facebook