Mercedes-Benz apresenta câmbio automatizado para caminhões off-road e demonstra Axor de 128 toneladas

Mercedes-Benz apresenta câmbio automatizado para caminhões off-road e demonstra Axor de 128 toneladas

A Mercedes-Benz segue a tendência de utilização dos câmbios automatizados em todos os segmentos de caminhões semipesados, pesados e extrapesados e apresenta fora de estrada com nova transmissão e força para aplicações de nicho

Mercedes-Benz e Volvo trazem câmbio automatizado para os semipesados
Ford lança a linha Cargo Torqshift com seis modelos com câmbio automatizado
Metalúrgica Stam investe R$ 4 milhões em sistema de armazenagem automatizado

mercedes-canavieiro-automatizado-axor

A Mercedes-Benz apresentou em no final de outubro em Campinas, com presença do Portal Transporta Brasil, os novos Axor fora de estrada com transmissão automatizada PowerShift, nos modelos 3344 e 4144, caminhões que estão sendo empregados em operações e aplicações específicas.

Os extrapesados Axor receberam desenvolvimento específico para o trabalho fora de estrada, além do novo câmbio automatizado de 12 velocidades. “O grande diferencial do Mercedes PowerShift é que este câmbio automatizado recebeu desenvolvimento específico para a aplicação off-road”, diz Ari de Carvalho, diretor de Vendas e Marketing Caminhões da Mercedes-Benz do Brasil. “Aliás, a Mercedes-Benz é a única fabricante a fazer essa adequação, visando o melhor desempenho e durabilidade de acordo com as características das operações fora de estrada. Isso proporciona confiabilidade ao cliente”.

Com foco no bem-estar de quem conduz o caminhão, a Mercedes-Benz também lança uma nova geração de bancos do motorista, assim como do passageiro. Esta novidade faz sua estreia nos caminhões Axor fora de estrada, assegurando um padrão ainda mais elevado de conforto. Isso se traduz em maior produtividade e também em mais segurança para o dia a dia de trabalho.

mercedes-caixa-powershift

Essas novidades dos caminhões Mercedes-Benz decorrem da evolução do conceito ECONFORT, filosofia de desenvolvimento que trouxe novo padrão de economia, conforto, força e desempenho para o transporte de carga.

O  câmbio mecânico com acionamento totalmente automatizado e sensor de inclinação, sem pedal de embreagem – pode ser operado no modo automático ou manual, dependendo da preferência do motorista.

A manopla do PowerShift está localizada num console rebatível junto ao apoio de braço do banco do motorista. Realiza os engates de forma rápida e suave, aumentando significativamente o conforto para o motorista.

Esse câmbio contribui para a redução no consumo de combustível graças às trocas de marchas mais precisas. Além disso, tem potencial de diminuição de diferenças de consumo médio existentes entre motoristas da mesma frota, melhorando o resultado geral da empresa de transporte, com menor custo operacional e mais rentabilidade para os clientes.

O Mercedes PowerShift conta com três funções inteligentes que agregam mais desempenho, economia e conforto: EcoRoll, Manobra e a exclusiva tecla Power Mode Off-Road para aplicações fora de estrada, que aumenta ainda mais a força do Axor em situações extremas.

O Axor enfrenta muitos desafios na operação canavieira, uma típica atividade fora de estrada. Entre eles, a alta capacidade de carga (no caso do Axor 3344, até 74 toneladas de PBTC na versão treminhão, com 123 toneladas de CMT), inclinação das vias, aclives acentuados, irregularidades do solo que causam torções no caminhão e nos semirreboques e outros impactos. “Isso exige muito do trem de força”, afirma Ari de Carvalho. “É aí que o Axor ganha mais vantagens no mercado. Todos os elementos do seu trem de força são produzidos pela própria Mercedes-Benz. Como resultado, o conjunto é eficiente e equilibrado, destacando-se pela força, robustez e durabilidade”.

COMMENTS