Caixa automatizada I-Shift, da Volvo, chega à sexta geração

Caixa automatizada I-Shift, da Volvo, chega à sexta geração

Com eletrônica avançada e sistema que "lê" a topografia e as condições da operação, proporcionando trocas mais corretas nas marchas, nova geração promete economia de 3% de diesel em relação às anteriores

Mercedes-Benz apresenta câmbio automatizado para caminhões off-road e demonstra Axor de 128 toneladas
ZF atinge produção de um milhão de transmissões automáticas de 8 marchas
Mercedes-Benz e Volvo trazem câmbio automatizado para os semipesados

volvo-ishift-sexta-geracao1

O Volvo lançou em novembro a sexta geração de sua caixa automatizada I-Shift, que equipa 100% dos caminhões pesados e extrapesados da marca e 99% dos semipesados. Segundo a fabricante, a nova geração da caixa de câmbio eletrônica traz novos níveis de tecnologia, com maior integração eletrônica entre os componentes e o motor e o mesmo padrão do produto lançado também este ano na Europa.

No quesito inteligência, segundo a Volvo, a caixa fica ainda mais sofisticada, com a ampliação das conexões entre ela e os demais módulos eletrônicos do caminhão. Na prática, isso significa maior controle das condições da operação, com as leituras feitas pelo sistema I-See, e trocas de marchas realizadas sempre no tempo certo, no giro mais econômico, otimizando o trabalho do motor. A caixa tem 12 velocidades a frente e quatro a ré.

volvo-ishift-sexta-geracao2

O equipamento da nova geração proporcionou um desempenho otimizado nos caminhões com motores de 540cv. “A inteligência da I-Shift entende qual é o momento adequado para despender mais potência e garante um comportamento correto para cada situação”, afirma Álvaro Menoncin, gerente de engenharia de vendas da Volvo. “Associada ao avançado sistema I-See e aos sensores posicionados na caixa, esta nova geração entende perfeitamente qual a carga transportada, bem como a topografia a sua frente, otimizando as trocas e garantindo baixo consumo de combustível com maior velocidade média”, complementa Deonir Gasperin, engenheiro de vendas de caminhões da Volvo.

Mundialmente reconhecida por seus produtos inovadores, a Volvo investiu tão fortemente na evolução de suas caixas de câmbio que a engenharia conseguiu mais uma vez melhorar o consumo de combustível. Na nova I-Shift de sexta geração que agora está sendo lançada, a economia de combustível é de até 3% em relação à versão anterior. “Como desenvolvemos e produzimos as transmissões e motores que equipam nossos caminhões, temos uma solução tecnológica muito mais eficiente”, afirma Wilson Lirmann, presidente do Grupo Volvo América Latina.

Ouça abaixo a entrevista que gravamos com o presidente Wilson Lirmann na fábrica de Curitiba:

COMMENTS