Ford lança planos de manutenção para usados

Planos podem ser contratados para caminhões com até 60 meses de uso

Ford caminhões recebe prêmio de melhor fornecedor da Elektro em 2011
Ford Caminhões comemora atendimento de 50 mil motoristas em projeto de saúde bucal
Autos Giros | Muito mais que caminhão

ford-caminhoes-frota

Para superar o atual momento de crise do Brasil, a Ford decidiu investir em sua área de pós-venda para gerar novos negócios e incrementar a receita. Dessa forma, a montadora apresenta ao mercado o contrato de manutenção para caminhões usados, que, até então, era disponível apenas para os modelos 0 km. Para essa categoria, a Ford incluiu dois tipos de planos para manutenção preventiva ou com a inclusão de peças de desgaste natural.

+ Experiência e noções de mecânica são trunfos para guiar as carretas da RTE Rodonaves

Os planos podem ser contratados para caminhões com até 60 meses de uso (5 anos), sendo que os veículos que estão com o plano de manutenção em dia são dispensados de inspeção prévia. O preço do contrato é calculado com base na quilometragem rodada e os prazos de revisão variam com o modelo e aplicação do veículo, desde 10 000 km para a Série F até 40 000 km no caso dos extrapesados Cargo.

Os planos – O Ford Service comercializa o plano Class, de manutenção preventiva, que contempla itens como: troca de óleo do motor, transmissão e diferencial, filtros, líquido de arrefecimento, fluido da embreagem e da direção hidráulica. A segunda opção é o plano Plus, que considera as mesmas vantagens da outra opção e acrescenta também peças de desgaste natural como embreagem, lonas e tambores de freio, reparos do motor de partida, bateria, lâmpadas e fusíveis. Nas revisões é feita ainda a inspeção de mais de 40 itens do veículo.

+ Scania vai lançar leasing operacional para compensar fim do PSI

Lançamento – Em janeiro de 2016, a Ford irá lançar o Portal do Cliente Ford Service, onde o frotista poderá acompanhar todos os caminhões incluídos no plano de manutenção. Além do histórico de serviços e situação de cada veículo, o portal servirá para a atualização da quilometragem rodada, usada como base para o contrato, e também para a emissão de boletos e segunda via.

+ Fique por dentro de tudo o que acontece no Transporte e na Logística pelo Facebook

COMMENTS