ANTT quer aprimorar procedimentos de comunicação de assaltos em ônibus

Agência receberá sugestões da população sobre o tema entre 4 de janeiro e 12 de fevereiro de 2016

Pedágio da BR-393 Rio de Janeiro-Minas Gerais será reajustado em 2%
Comitê estudará soluções para acelerar o escoamento da safra de grãos
Governo do RJ restringirá tráfego de caminhões na Rio-Petrópolis a partir de 8 de fevereiro

rodoviaria tiete

A ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) quer aprimorar os procedimentos para comunicação de acidentes e de assaltos envolvendo ônibus de passageiros durante viagens interestaduais e internacionais.

+ Marcopolo vai exportar 63 ônibus para o Gabão, na África

Assim, com o objetivo de obter sugestões e informações adicionais sobre o tema, abriu uma consulta pública. O período para envio das contribuições iniciará no dia 4 de janeiro e encerrará no dia 12 de fevereiro de 2016.

Dados da ANTT apontam que, entre 2012 e o primeiro semestre de 2015, mais de mil assaltos a ônibus nas estradas foram registrados no país. Com isso, foram mais de 50 mil passageiros afetados. Mas, segundo entidades do setor, esse número deve ser ainda maior, já que muitos casos não são levados à ANTT ou sequer às forças policiais.

+ Rodovias de má qualidade encarecem o transporte em média 25%

Com informações da ANTT

COMMENTS