NASA testa protótipo de avião com dez motores elétricos

Unidade opera como um veículo não tripulado que pode decolar como um helicóptero, mas eficiente como um avião

Superintendente da Aeropress comenta sobre o transporte Rodoaéreo no Brasil
Boeing Dreamliner 787 aterrissa na África
DHL chega a Salvador (BA) apostando em empresas com incentivos fiscais

nasa-prototipo-aviao

A NASA (sigla em inglês para Administração Nacional da Aeronáutica e do Espaço) realizou os primeiros testes de voo livre do protótipo Grease Lightning (GL-10), nos Estados Unidos. Trata-se de um avião do tipo VTOL (Vertical Takeoff and Landing, aterragem e pouso verticais), que conta com dez motores elétricos. A intenção é desenvolver um veículo não tripulado que possa decolar como um helicóptero, mas que seja eficiente como um avião.

Para a decolagem e pouso, as asas e a cauda apontam para cima e todas as hélices fazem com que o avião suba como um helicóptero. Depois, as asas e a cauda voltam ao modo horizontal para realizar um voo típico de um avião, com a diferença de que as duas hélices traseiras aumentam a manobrabilidade do veículo.

A NASA anunciou que já está trabalhando em uma versão ainda menor a bateria. O original, a diesel e elétrico, tem 6,1 metros de envergadura de asas, enquanto a versão a bateria tem a metade do tamanho e pesa 28,1 quilos. Toda a fuselagem do protótipo foi construída por impressão 3D.

Veja o protótipo em ação:

COMMENTS