Demanda na aviação civil no Brasil cresce 2,9% em março

De acordo com a Anac, resultado foi recorde para o mês nos últimos dez anos

Aeroporto de Vitória (ES) recebe Certificação Operacional de Aeroporto da Anac
Acesso à internet gratuita atinge 1,85 mil nos aeroportos de CE, BA e PE
Governo assina contratos de concessão de quatro aeroportos

jk-aeroporto-brasilia

De acordo com dados da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), a demanda pelo transporte aéreo doméstico de passageiros cresceu 2,9% em março, comparando com o mesmo período de 2014. O resultado obtido foi recorde para o mês nos últimos dez anos.

O índice considera contabiliza passageiros pagantes transportados por quilômetro. No ano, a demanda acumula alta de 5,6%, enquanto a oferta cresceu 4% no trimestre.

Dentre as principais empresas brasileiras, a Avianca e a Azul apresentaram os maiores crescimentos na demanda doméstica em março de 2015, com acréscimo de 18,9% e de 10,7%, respectivamente. Já a Tam apresentou crescimento de 0,2% e a Gol retração de 1,8%.

A taxa de aproveitamento das aeronaves em voos domésticos operados por empresas brasileiras foi da ordem de 77,3%, com redução de 0,3% em relação ao mesmo mês de 2014. Ao todo, foram transportados 7,8 milhões de passageiros em março. Esse indicador registra variação positiva há 18 meses consecutivos.

A demanda de passageiros por voos internacionais cresceu 4,9%. Já a oferta internacional registrou o oitavo mês consecutivo de crescimento, com alta de 10,5% em comparação ao mês de março de 2014, e foi o recorde para o mês nos últimos dez anos.

Com informações da CNT

COMMENTS