Despesas com transporte inflacionaram 3,75% em 2014

Tarifas dos ônibus urbanos são o destaque do levantamento, com alta de 3,85%

Roubo de cargas em SP sobe quase 7% em 2014
Número de passageiros no transporte aéreo doméstico atinge maior nível em dez anos
Mercado prevê inflação em 8,12% no final do ano

rodovia-pesagem-sc

Um balanço divulgado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) na última sexta-feira (9/12) aponta que despesas com transporte inflacionaram, em média, 3,75% em 2014. A variação foi superior a de 2013, estipulada em 3,29%.

As tarifas dos ônibus urbanos são o destaque do levantamento, com alta de 3,85% em razão de reajustes realizados em sete das 13 regiões pesquisadas.
Já no âmbito dos combustíveis, a variação ficou em 2,94%. O litro da gasolina apresentou preços 2,89% mais altos. O etanol subiu 1,97%.

Em relação aos automóveis, os novos subiram 4,62% e os usados caíram 2,10%. O serviço de conserto de automóvel apresentou acréscimo de 8,59%.

Os resultados do segmento tiveram forte influência na formação do IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) do ano, que ficou em 6,41%, uma vez que, segundo o IBGE, os gastos com transporte estão em segundo lugar entre as maiores despesas familiares. O índice ficou próximo do teto da meta do governo, que era 6,5%.

Com informações da Agência CNT

COMMENTS