Polo Industrial de Manaus (AM) adquire novo scanner para liberação de cargas

Equipamento possibilita fiscalizar o conteúdo de um contêiner em 20 segundos

Ferroeste adquire duas locomotivas e passa a operar com nove unidades
Governo Federal compra 75 caminhões International
Polo Industrial de Manaus (AM) adquire guindastes de alta performance para movimentação de cargas

pim-scaner-chibatao

O Polo Industrial de Manaus (AM) passa a contar com mais agilidade no procedimento de liberação de cargas com um novo scanner de contêineres.

O equipamento, adquirido por R$ 11 milhões, é o segundo exemplar a ser adquirido pelo Grupo Chibatão, e possibilita fiscalizar o conteúdo de uma unidade em apenas 20 segundos. Antes, este mesmo processo levava aproximadamente sete dias pelo método de vistoria física realizado pelo auditor fiscal.

O contrato assinado com a Smiths Detections para a aquisição de mais um equipamento foi aprovado, e chegará ao porto no primeiro trimestre de 2015.

Após a verificação online no Scanner, as imagens são transmitidas simultaneamente para a Receita Federal, situados no próprio terminal, onde os fiscais da autarquia irão comparar as informações fornecidas pelas empresas importadoras e exportadoras em suas guias e documentos para equivalerem com as imagens geradas em cada contêiner.

“Como parte do pacote de investimentos 2014/2015, o grupo têm investido cada vez mais em tecnologia para a otimização de nossa produtividade e desempenho, com intuito de entregar um bom nível de serviços ao Polo e ao Comercio”, disse o gestor do Grupo Chibatão, Jhony Fidelis.

COMMENTS