Goodyear utilizará cinzas de casca de arroz na fabricação de pneus

Empresa aplicará resíduo na geração de sílica para uso em banda de rodagem

Produção de safra 2012/2013 de grãos cresce 10,8%, segundo Conab
Camil alimentos recebe certificação por serviços logísticos do grupo Pão de Açúcar
Safra de grãos deve ultrapassar 160 milhões de toneladas

goodyear-pneus-arroz

Em busca de novas fontes de matéria-prima, a fabricante de pneus Goodyear descobriu nos resíduos de casca de arroz a possibilidade de fabricar unidades de qualidade. A empresa vai utilizar as cinzas que sobraram da queima do produto para gerar eletricidade, como fonte ecológica de sílica para uso nas bandas de rodagem.

A empresa testou este tipo de sílica nos últimos dois anos, em seu Centro de Inovação em Akron, no estado de Ohio (EUA) e descobriu que seu impacto sobre o desempenho dos pneus é igual ao das fontes tradicionais.

A sílica é misturada com borracha nas bandas de rodagem dos pneus para aumentar a resistência da borracha e ajudar a reduzir a resistência à rolagem, o que, segundo a fabricante, melhora a economia de combustível. Ela também pode ter um impacto positivo na tração de um pneu em superfícies molhadas.

“O uso da cinza de arroz dará à Goodyear uma fonte alternativa de sílica com custo menor, ajudando também a reduzir a quantidade de resíduos de arroz que é enviada para os aterros”, disse Joseph Zekoski, Diretor Técnico Interino. “Esta é uma vitória para a Goodyear, para nossos clientes e para o meio ambiente”, ressalta.

Todos os anos, mais de 700 milhões de toneladas de arroz são colhidas em todo o mundo, de acordo com a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura.

A Goodyear já está em processo de negociação com fornecedores para comprar a cinza de arroz para uso em seus pneus.

COMMENTS