Proair reforça seu plano operacional para a Copa do Mundo

Empresa de suporte aéreo espera receber 40 mil passageiros a mais graças ao evento

Companhia aérea indonésia faz pedido de 234 aviões da família Airbus A320
Aeroporto de Viracopos (SP) recebe um dos maiores cargueiros do mundo
Rolls-Royce fecha acordo bilionário de fornecimento de motores com a Scandinavian Airlines

proair

A empresa brasileira de ground handling (suporte, carregamento e limpeza de aeronaves) Proair, do Grupo Protege, desenvolveu um plano operacional específico para atender a demanda esperada para a Copa do Mundo 2014.

A estimativa é de crescimento de 40 mil passageiros e 180 voos nos atendimentos da Proair por causa do evento. “Fizemos uma análise da malha de voos e conciliamos com as escalas de trabalho. Em algumas situações, haverá a transferência de equipamentos para reforço em bases que terão voos adicionais, além de reforço na escala de trabalho para os dias de maior movimento”, explica o diretor-geral do Grupo Protege, Mário Baptista de Oliveira.

Segundo a empresa, haverá um acréscimo de aproximadamente 60 mil bagagens durante o evento, o que significa cerca de um milhão de quilos a mais para serem manejados pela Proair. “O Brasil será o palco do mundo esportivo nos próximos dias e estamos preparados para operacionalizar de forma eficiente a chegada dos passageiros”, ressalta Baptista.

Os principais aeroportos em que se espera um aumento nos voos são os de Recife, Fortaleza, Salvador, Confins, Guarulhos, Galeão, Porto Alegre e Curitiba. Além dos passageiros, a Proair atenderá as delegações da Argentina e Itália nos jogos do mundial de 2014.

COMMENTS