TAM e Gol estão entre as dez empresas de aviação mais inseguras do mundo

TAM e Gol estão entre as dez empresas de aviação mais inseguras do mundo

Estudo de uma consultoria alemã avaliou 60 companhias e considerou aspectos como o número de acidentes com a companhia em um período de trinta anos, o número de mortos e o pior acidente ao longo desses anos

NASA testa protótipo de avião com dez motores elétricos
Conviasa assina contrato para mais sete jatos E190 da Embraer
ANAC registra redução maior que 6% na tarifa de voos domésticos

gol-e-tam

De acordo com levantamento da consultoria alemã Jacdec, especializada em aviação, as empresas brasileiras de transporte aéreo TAM e Gol estão entre as dez companhias aéreas mais inseguras do mundo em 2013.

Das 60 companhias avaliadas, a TAM ocupa a 56ª posição, com índice de risco de segurança de 0,890. Já a Gol assume a 54ª colocação, com índice de risco de segurança igual a 0,689. Apesar do resultado ainda estar longe de ser satisfatório, as empresas melhoraram o seu desempenho em relação a 2012, quando amargaram a penúltima e antepenúltima posição, respectivamente.

O estudo considera aspectos como o número de acidentes com a companhia em um período de trinta anos, o número de mortos, o pior acidente ao longo desses anos e há quanto tempo não há registro de perda de aeronave.

Nas primeiras colocações, estão a Air New Zealand, da Nova Zelândia, com índice de risco de segurança de 0,007, seguida pela Cathay Pacific Airways, de Hong Kong, com índice de 0,008. Em terceiro, com risco de 0,010, ficou a finlandesa Finnair, que havia garantido a liderança do ranking em 2012. Confira o ranking completo neste link.

Em relação ao resultado divulgado, a Gol se manifestou alegando que não comenta os critérios da pesquisa e destaca que é certificada pela auditoria IOSA (Iata Operational Safety Audit) e que foi uma das dez primeiras a receber o Enhanced IOSA.

 

COMMENTS