MGO Rodovias pretende cobrar pedágio na BR-050 a partir de 2014

Empresa pretende concluir até o final do ano que vem 21,8 quilômetros de duplicação para passar a cobrar pedágio em trecho que vai de Cristalina (GO) à divisa de Minas com São Paulo, passando pelo Triângulo Mineiro

Balanças de pesagem começam a operar nesta terça-feira (15) na BR-050 em MG
Consórcio Planalto vence leilão da BR-050
Governo revê conta e onera usuários com custo do pedágio

br-050-pedagioQuem trafegar pela BR-050 a partir do final do ano que vem terá que pagar pedágio à concessionária MGO Rodovias. Durante esse período, a companhia prevê já ter concluído 21,8 quilômetros de duplicação (obra exigida pelo Governo para autorizar a cobrança de pedágio).

A concessão compreende um trecho de 436,6 quilômetros, que vai de Cristalina (GO) à divisa de Minas com São Paulo, passando pelo Triângulo Mineiro.

O trecho privatizado faz parte do Programa de Investimento e Logística do Governo Federal. A MG Rodovias, para operar o citado trecho da BR-050 conta com financiamento do BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento), Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal. Dos 436,6 quilômetros, 218,6 já foram duplicados pelo DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes).

A tarifa inicial a ser cobrada, por cada 100 quilômetros, está prevista atualmente em R$ 4,90.

COMMENTS