Plataforma da Petrobras deixa estaleiro em Rio Grande (RS)

Semissubmersível P-55 está entre as nove novas unidades que serão instaladas nos campos de petróleo neste ano

Estação de Tratamento Primário de Óleo e Gorduras Residuais é inaugurada em Fortaleza (CE)
Petrobras assina contratos para a construção de dois novos módulos no pré-sal da Bacia de Santos
Um ano depois da greve, diesel está 5% mais caro para o caminhoneiro

plataforma-petrobras-estaleiro

A plataforma P-55, da Petrobras, saiu neste domingo (6/10) do Estaleiro Rio Grande 1 (ERG-1), localizado na cidade de Rio Grande (RS). A unidade se deslocou em direção à Bacia de Campos após serem concluídos os serviços de integração dos módulos e comissionamento, além da conclusão dos testes e inspeções para obtenção das certificações necessárias.

A semissubmersível P-55 está entre as nove novas unidades que serão instaladas nos campos de petróleo neste ano, contribuindo para o aumento da produção de petróleo e o alcance da meta de produção de 2,75 milhões de barris por dia, prevista para 2017.

Com capacidade para produzir 180 mil barris de petróleo e tratar quatro milhões de metros cúbicos de gás por dia, a plataforma P-55 entrará em operação ainda em 2013 e é uma das maiores semissubmersíveis do mundo e a maior construída no Brasil.

COMMENTS