Modal aéreo movimentará 1,2 milhão de toneladas de cargas em 2013

Demanda pode crescer quase três vezes até 2017, alcançando 3,4 milhões de toneladas

Tam Cargo expande terminal de cargas em Belém (PA)
TAP bate recordes nos resultado do 3º trimestre
Tibet Airlines recebe primeiro Airbus A319 produzido na China

aeroporto-goiania-GO

A Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária) estima que pelo menos 1,26 milhão de toneladas de cargas voarão pelo céu do Brasil neste ano. Esse volume vai passar pelos 34 Teca (Terminais de Logística de Carga) que a empresa mantém, dos quais 30 operam com importação, 25 com exportação, 17 com carga nacional e quatro com courier.

A projeção da empresa ainda considera que a demanda pelo modal aéreo possa crescer quase três vezes até 2017, alcançando 3,4 milhões de toneladas. Para dar conta do volume de operações, o plano de investimentos para os próximos quatro anos prevê R$ 300 milhões até 2015 na melhoria das condições de logística de carga aérea.

Em Curitiba (MT), até o final do ano, deve ser concluída a ampliação do terminal de cargas em 5 mil m². Também neste ano, será finalizada a reforma e a ampliação do Teca de Salvador (BA). Para 2013, está programada a inauguração do novo complexo logístico de Porto Alegre. No aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro, será instalado um transelevador frigorificado (equipamento guiado por trilhos utilizado para a movimentação e armazenagem de cargas). No aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), o sistema de translevadores será ampliado e modernizado. Até 2015, serão construídos novos complexos logísticos em Boa Vista (RR), Vitória (ES) e Goiânia (GO), além de reforma e ampliação em Navegantes (SC).

COMMENTS