Foton e governo do RS assinam protocolo para construção de fábrica em Guaíba

Foton e governo do RS assinam protocolo para construção de fábrica em Guaíba

Obras terão início ainda neste ano; empresa prevê linha de montagem de caminhões operando no início de 2016

Mercedes amplia presença da Alliance no Brasil para reforçar participação no mercado de reposição
Scania define neste final de semana o Melhor Motorista de Caminhão do Brasil
Randon fornece 1.184 caçambas basculantes para MAN Latin America

foton-caminhao

A Foton Aumark do Brasil, representante no País para caminhões leves, médios e pesados da montadora chinesa Beiqi Foton, assinou nesta terça-feira (13/8), com o governo do Rio Grande do Sul, um Protocolo de Intenções para a construção de sua unidade fabril de caminhões no município de Guaíba.

As obras para construção da fábrica terão início ainda neste ano e a previsão é que o primeiro caminhão brasileiro da marca deixe a linha de montagem em Guaíba no início de 2016. Até lá, a empresa continuará importando da matriz chinesa em Beijing, os modelos de 3,5 até 10 toneladas de PBT. Neste período, a Foton Aumark do Brasil continuará o processo de expansão de sua Rede de Concessionárias para os caminhões da marca.

Com investimentos iniciais dimensionados em R$ 250 milhões, a fábrica ocupará um terreno de um milhão e quinhentos mil metros quadrados, dos quais um terço da área serão reservados para a instalação de fornecedores no local. Com capacidade instalada de 21 mil caminhões por ano em um turno, a fábrica montará veículos de 3,5 até 24 toneladas, com gradativa expansão de line up. Os veículos possuem cronograma de nacionalização definido e inicialmente a produção deverá ocorrer com 15% de conteúdo local, crescendo até atingir índice de 65%, em três anos.

“Estamos seguros da decisão que tomamos. O Estado do Rio Grande do Sul possui vocação para o setor automotivo e a conclusão das negociações com o governador Tarso Genro e com sua equipe me dá a certeza de que esse investimento trará muitos benefícios para o Estado e para o Brasil. Posso assegurar que muito ainda está por vir a partir desse empreendimento”, afirma presidente da Foton Aumark do Brasil, Luiz Carlos Mendonça de Barros.

COMMENTS