Impostômetro chegou a R$ 300 bilhões

Impostômetro chegou a R$ 300 bilhões

Brasileiros contribuíram com os cofres públicos com 0,3 trilhão de reais até a zero hora desta sexta, 8 de março, seis dias mais cedo do que em 2012

Receita Federal faz operação de cobrança de R$ 86 bi de empresários
IBPT lança novo sistema de medição de tributos
RTE Rodonaves arrecada mais de 300 toneladas de donativos

A Associação Comercial de São Paulo, que mantém um painel que marca a quantidade de dinheiro paga pelos brasileiros ao erário público em tributos, anunciou que o Impostômetro alcançou a marca de R$ 300 bilhões à zero hora desta sexta-feira, dia 8 de março.

No ano passado, esta marca foi atingida em 14 de março, seis dias mais tarde do que em 2013, o que mostra o aumento da arrecadação pública neste ano. O presidente da ACSP e da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), Rogério Amato, compara o crescimento da carga tributária com o PIB. “Os dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT) essa semana mostram que a carga tributária sobre o PIB aumentou em 2012, apesar das desonerações fiscais. Este ano, com o maior crescimento da economia e a redução das desonerações é provável que tenhamos um novo aumento da carga, caso não haja alguma medida do governo para reduzir a tributação”, afirma.

COMMENTS