Diesel S50 da Shell tem bons resultados no Sul e Sudeste

Apesar da aceitação positiva do diesel S50 da linha Shell Evolux, em uma visão geral, Brasil ainda sofre com falhas na distribuição do produto e pouca procura

VW amplia linha de semipesados
Demanda atrai produtores de peso para o Arla 32
MWM International atinge a marca de um milhão de litros de Arla 32 vendidos no Brasil

A Raízen, detentora da marca Shell no país, obteve resultados positivos na venda de sua nova linha Shell Evolux Diesel. O novo diesel S50 é comercializado desde o dia 1º de janeiro deste ano, quando entrou em vigor a nova legislação ambiental para os veículos movidos a diesel no Brasil.

Na região metropolitana de Curitiba (PR) já há postos em que a venda de Shell Evolux Diesel S-50 representa 30% das vendas totais de diesel. As regiões metropolitanas do Rio de Janeiro e São Paulo representam 20% e 15% do total de diesel comercializado no país, respectivamente.

A linha Evolux conta também com o Arla 32, uma solução de ureia técnica utilizada nos novos motores, disponível em mais de 500 postos com a bandeira Shell em todo o país. “É um mercado com um enorme potencial de crescimento. A estimativa é a de que o Arla 32 movimente aproximadamente 2 bilhões de litros em 2020”, afirma Rachel Risi, gerente de marketing de produtos combustíveis da Raízen.

O diesel S-50 da marca Shell é comercializado nos postos de combustíveis apenas na versão aditivada. Já o Arla 32 é vendido em embalagens de 10 e 20 litros.

COMMENTS