Rolls-Royce moderniza motores de aviões da Força Aérea Americana

Kits de upgrade serão instalados em aeronaves modelo C-130H e devem gerar economia de mais de R$ 6 bilhões sobre vida útil da frota

Gol registra R$ 354,9 milhões de prejuízo líquido no 2º trimestre
Etihad Cargo recebe três novos cargueiros e passa a operar em Viracopos (SP)
Bombardier expande fábrica da linha Learjet nos EUA

A Rolls-Royce e a Força Aérea dos Estados Unidos iniciarão, no início do segundo semestre de 2012, voos de teste com motores turbopropulsores T56, que receberão upgrade. Modernizados, eles foram desenvolvidos para promover economia de combustível e maior segurança, além de um avançado Custo de Ciclo de Vida. O kit de upgrade será instalado nas aeronaves de transporte militar modelo C-130H.

O programa que irá modernizar os motores das aeronaves foi desenvolvido para oferecer benefícios relevantes para a Força Aérea Americana permitindo que a frota de C-130H permaneça em operação até 2040, além de proporcionar redução de consumo de energia de até 8%. Essa atualização nos equipamentos, de acordo com a Força Aérea, deve gerar, no longo prazo, uma economia de US$ 3,5 bilhões (cerca de R$ 6,2 bilhões) sobre a vida útil da frota.

A instalação dos kits poderá ser realizada como parte de um reparo convencional e não exige nenhuma modificação nos sistemas do avião ou de controle. As melhorias foram projetadas a partir de tecnologias já comprovadas por outros motores comerciais e militares da Rolls-Royce, incluindo novos materiais para pás de turbinas e um projeto avançado de turbina para asas aerodinâmicas.

COMMENTS