Morre o fundador da JSL

Morre o fundador da JSL

Julio Simões, que fundou um dos maiores grupos do transporte e da logística do Brasil em 1956, faleceu de complicações cardiorrespiratórias na madrugada desta quinta, 8 de março

Trecho Sul do Rodoanel tem segurança reforçada
Diesel fica mais caro no MS, PR e MT
Redução de peso limite de e-Sedex preocupa setor de e-commerce

Julio Simões, o fundador da JSL, um dos maiores grupos empresariais do transporte e da logística no Brasil, faleceu na madrugada desta quinta-feira, 8 de março, na cidade de Mogi das Cruzes, em São Paulo, aos 84 anos, vítima de complicações cardiorrespiratórias. Deixou esposa e cinco filhos e netos.

Pai de Fernando Simões, atual diretor-presidente da empresa, o Sr. Julio chegou ao Brasil, vindo de Portugal, em 1952, e estabeleceu sua vida em Mogi, trabalhando como mecânico, primeiro para a família, depois para uma empresa de ônibus.

Pouco tempo depois, o empreendedor foi trabalhar como caminhoneiro autônomo no transporte de hortifrutigranjeiros de Mogi das Cruzes para o Rio de Janeiro. Em 1956, fundou a Transportadora Julio Simões, empresa que viu prosperar e se transformar em uma das maiores do País.

Hoje, a empresa, que mudou de nome para JSL, especializou-se em diversos segmentos do transporte e da logística e conta com 18 mil colaboradores em todo o Brasil e em quatro países da América Latina. A frota da empresa tem, segundo a JSL, 31,4 mil ativos, entre veículos leves, caminhões, carretas, ônibus, máquinas e equipamentos.

Hoje, a companhia que fundou possui cerca de 18 mil colaboradores em todo o Brasil e em quatro países da América Latina e conta com uma frota de 31,4 mil ativos (entre veículos leves, caminhões, carretas, ônibus, máquinas e equipamentos). Julio Simões tinha 84 anos e deixa esposa, cinco filhos e netos.

O Portal Transporta Brasil lamenta a perda de um dos maiores empreendedores do transporte e da logística de nosso tempo

COMMENTS